Tom Jobim

Tom Jobim ou Antonio Carlos Brasileiro de Almeida Jobim foi um dos mais importantes compositores brasileiros. Gênio da Bossa Nova, o compositor foi também maestro, pianista, arranjador e cantor; é autor de inúmeros clássicos da nossa música, executados por rádios, Tv’s, Internet e outros veículos, sendo a mais célebre a Garota de Ipanema, regravada 240 vezes e executada outros tantos milhares de vezes mundo afora, perdendo apenas para Yesterday, dos famosos Beatles.

  • VEJA AQUI SEU PERFIL VOCACIONAL COMPLETO:
    Download
  • VEJA AQUI SEU PERFIL VOCACIONAL RESUMIDO:
    Download

 

tom_jobim, vinivius e toquinhoComposta em 1962 por ele juntamente com o poeta Vinícius de Morais, a canção é a mais executada de Tom também no nosso país, segundo o ranking divulgado pelo ECAD – Escritório Central de Arrecadação e Distribuição –. Outras tantas canções de sua autoria já se tornaram clássicos como Wave, Eu sei que vou te amar e Chega de Saudade. Tom Jobim já foi gravado e regravado por inúmeros artistas como Alcione, Adriana Calcanhotto, Adoniran Barbosa, Angela Maria, Angela Ro Ro, Altamiro Carrilho, Baden Powell, Belchior, Beth Carvalho, Cássia Eller, Cesar Camargo Mariano, Caetano Veloso, Chico Buarque, Dominguinhos, Djavan, Danilo Caymmi, Dori Caymmi, Elba Ramalho, Erasmo Carlos, Elis Regina, Fagner, Gilberto Gil, Hermeto Pascoal, Ivan Lins, João Gilberto, Lenine, Martinho da Vila, Milton Nascimento, Nelson Gonçalves, Renato Russo, Roberto Menescal, Simone, Toquinho, Zé Ramalho e Zizi Possi, entre tantos outros. Isso sem falar nos internacionais. Não há cantor ou orquestra americanos da fase clássica, que não tenha gravado algo de Tom Jobim ou da Bossa Nova como Johnny Mathis, Nat King Cole, Tony Bennett, Frank Sinatra, Billy Eckstine, Ella Fitzgerald, Bobby Short, Carmen Mc Ray, Oscar Peterson, Duke Ellington, Ray Charles, Dizzy Gillespie, Sarah Vaughan, John Williams e mais recentemente nomes como Al Jarreau, Laura Fygi e Amy Winehouse, além das duas bandas brasileiras de heavy metal mais bem-sucedidas no exterior, Sepultura e Angra.

tom jobim jovemTom é nascido no Rio de Janeiro, filho do escritor e diplomata Jorge de Oliveira Jobim e de Nilza Brasileiro de Almeida Jobim, cuja família de origem portuguesa, era da cidade de Jovim em Portugal, origem do seu nome. O compositor nasceu no bairro da Tijuca, mas logo a família mudou-se para Ipanema onde se criou. Já durante a infância seus pais se separaram, vindo o pai a falecer e sua mãe a se recasar alguns anos depois com o funcionário público Celso Frota Pessoa, a quem Tom e sua irmã Helena chamavam de pai.

Logo cedo, o compositor revelou sua veia musical ao chegar à sua casa um velho piano. Seu primeiro professor foi o alemão Joachim Koellreuter, refugiado da guerra, que foi o responsável pelo início da carreira de inúmeras gerações de músicos brasileiros. Tom chegou até a entrar na Faculdade Nacional de Arquitetura, mas logo a abandonou, passo no qual teve todo o apoio do padrasto. Passou então a estudar com a pianista erudita Lucia Branco, que ao perceber sua veia de compositor, o indicou a prosseguir seus estudos com Paulo Silva, Tomás Teran e Villa-Lobos.

Tom e SinatraEm 1949, Tom se casou com Thereza de Otero Hermany, com quem viria a ter dois filhos, Paulo e Elizabeth, ambos músicos. Passou então a tocar em bares e boates de Copacabana, tais como O Beco das Garrafas e, em 1952 foi contratado como arranjador pela gravadora Continental. Além dos arranjos, acumulava a função de transcrever para a pauta, as melodias de outros compositores que não dominavam a escrita musical e assim foi conhecendo alguns de seus futuros parceiros, tais como Newton Mendonça, com quem fez Incerteza, sua primeira composição gravada, na voz de Mauricy Moura.

Saiu da Continental e foi pra Odeon. Nessa época compôs alguns sambas como Tereza da praia, com Billy Blanco, gravada por Lucio Alves e Dick Farney, seu primeiro grande sucesso, além de Solidão e Sinfonia do Rio de Janeiro. Outras parcerias ocorreriam tal como a dele com Dolores Duran na canção Se é por falta de adeus.

Em 1956, Tom recebe a tarefa de compor as músicas da peça Orfeu da Conceição, de autoria de Vinícius de Morais, peça que transpunha o mito grego para uma favela carioca e que haveria de determinar sua incursão definitiva na musica popular brasileira. Juntos por apenas sete anos e 46 composições, como destaca Jairo Severiano em seu livro Uma história da musica popular brasileira, Tom e Vininha, como chamavam os mais íntimos a Vinícius, reformularam a canção brasileira, sintetizando em sua obra um processo de modernização, já iniciado por outros como João Gilberto nos anos anteriores. O primeiro grande êxito foi Se todos fossem iguais a você, da peça Orfeu gravada diversas vezes. E depois vieram Chega de saudade, A felicidade, Garota de Ipanema, Eu sei que vou te amar, Amor em paz, Insensatez, Canção do amor demais e tantas outras.

tom jobim 4Tom tornou-se de repente um nome famoso com o estouro da Bossa Nova, sendo que A Felicidade e Eu sei que vou te amar foram as mais gravadas canções da época, somando 75 gravações.

A consolidação da Bossa Nova veio com Chega de saudade, interpretado por João Gilberto num 78 rotações, lançado em 1959, com arranjos e direção musical de Tom, que já anunciava os rumos que a MPB tomaria dali em diante. Ao mesmo tempo em que vivia um dos melhores momentos da parceria com Vinicius de Morais, Tom alcançava o sucesso com músicas só suas como Este teu Olhar e Corcovado e, no mesmo ano de 1959 veio o disco Amor de gente moça de Silvinha Telles, um disco com doze canções de Tom, entre elas Só em Teus Só em teus braços e Dindi, com Aloysio de Oliveira.

Já consolidada, a Bossa Nova deu um grande passo em direção ao seu reconhecimento quando, em 1962, houve um grande concerto no Carnigie Hall, em Nova York, que teve a participação não só do Tom, mas também de João Gilberto, Carlos Lyra e Roberto Menescal, entre outros.

Foi no ano seguinte que compôs a famosa Garota de Ipanema, seguida por Samba do AviãoSó Danço Samba e  Ela é Carioca (com Vinícius), O Morro Não Tem VezInútil Paisagem (com Aloysio), Vivo Sonhando.

Aproveitando a ida aos EUA, muitos ficaram por lá, inclusive o Tom, que mandou buscar a mulher e os filhos, e instalou-se num apartamento em Nova York. Lá gravou discos, como o primeiro individual que foi  The composer of Desafinado Plays, participou de espetáculos e de discos como Jazz Samba Encore, com Stan Getz, Luiz Bonfá e Maria Helena Toledo e fundou sua própria editora, a Corcovado Music. O álbum The composer… abriu as portas para a sua musica e a de seus colegas da Bossa Nova nos EUA, devido em grande parte à sua identificação com a canção americana de Gershwin, Cole Porter e Berlin.

Tom e ElisEm 1964, competindo com os Beatles, os Rolling Stones e Elvis Presley, Tom Jobim ganhou o Grammy de Música do Ano com a Garota de Ipanema. E em 1967, o sucesso fora do Brasil o fez voltar aos EUA para gravar com o grande mito americano, Frank Sinatra. O disco Francis Albert Sinatra & Antonio Carlos Jobim, tinha arranjos de Claus Ogerman e versões em inglês de várias canções do Tom: The Girl From IpanemaHow InsensitiveDindiQuiet Night of Quiet Stars.

No fim dos anos 1960, depois de lançar o disco Wave, participou de festivais no Brasil, conquistando o primeiro lugar no III Festival Internacional da Canção da Rede Globo, com Sabiá, em parceria com Chico Buarque, interpretado pelo Quarteto em Cy, de Cynara e Cybele.

Entre 1963 e 1994, Tom se dividiu entre o Brasil e os EUA em função de seus compromissos profissionais, realização de shows e discos, administração dos direitos autorais gerados por suas gravações e execuções de suas musicas. Ainda nesse período, compôs mais de cem músicas que perfazem 230 gravações aproximadamente, incluindo sambas, sambas-canção, peças camerísticas, composições ecológicas, além das bem-humoradas e suaves canções românticas. Entre elas estão Aguas de março, Chovendo na roseira e Matita Perê, além de Passarim, Borzeguim e as inspiradas em musas como Ana Luiza, Bebel, Luiza e Ligia. Entre seus parceiros desta fase estão Chico Buarque, Paulo Cesar Pinheiro, Cacaso e seu filho Paulo Jobim.

O maestro era dono de personalidade instigante e acumulava influências que iam dos clássicos e impressionistas como Débussy e Ravel, a figuras da nossa música erudita como Heitor Villa-Lobos, Guerra Peixe, Radamés Gnatalli e o popular Ary Barroso, até grandes jazzistas norteamericanos. Sua superioridade musical pode ser comprovada pela qualidade de suas melodias, ricamente elaboradas e algumas vezes inusitadas, na ousadia de suas harmonizações, cheias de inesperadas soluções, onde revela sua formação erudita e na elegância com que podia dotar suas complexas composições de leveza. Quase toda a sua obra foi gravada por ele nos 24 álbuns que integram sua discografia, alguns inclusive em dupla com outros como é o caso de Elis & Tom.

T. Jobim e J. Gulberto jovensEm 1978, separado do primeiro casamento, Tom voltou a se casar, desta vez com Ana Beatriz Lontra com quem teria os filhos João Francisco e Maria Luiza Helena. Na última fase de sua carreira, Tom intensificou suas apresentações em shows, reunindo na Banda Nova o filho Paulo Jobim (voz e violão), a esposa Ana e a filha Beth (vocalistas), Danilo Caymmi (flauta e voz) e sua esposa Simone (voz), Jaques Morelenbaum (violoncelo) e sua esposa Paula (voz), além de Tião Neto (baixo), Paulo Braga (bateria) e Maúcha Adnet (voz). Com esse conjunto realizou nos últimos 10 anos de sua vida inúmeros espetáculos no Brasil, EUA, Japão, Canadá e inúmeros países da Europa, além de gravar 4 álbuns.

Seu último álbum foi Antonio Brasileiro, lançado em 1994, pouco antes de sua morte por enfarto em dezembro, após extirpar um câncer na bexiga, dois dias antes num hospital de Nova York.

Algumas biografias suas foram publicadas. Entre elas Antonio carlos Jobim, um homem iluminado, de sua irmã Helena Jobim, uma biografia, de Sergio Cabral e Tons sobre Tom, de Marcia Cezimbra, Tarik de Souza e Tessy Calado.

Ciça Bueno, fevereiro de 2015

Bibliografia

  • Chega de Saudade, a história e as histórias da Bossa Nova, Ruy Castro, Companhia de Bolso, Companhia das Letras, São Paulo, 2008, 2ª reimpressão.
  • Uma historia da Musica Popular Brasileira, Jairo Severiano, Editora 34, São Paulo, 2008, 1ª edição.
  • www.wikipedia.com.br

Biografias & Perfis

  • Mick Jagger

    Vocalista, compositor, letrista, pai de sete filhos e líder dos Rolling Stones, banda que possui mais de 200 milhões de discos vendidos em cinco décadas de carreira. Filho mais velho de um professor e de uma dona de casa, Jagger nasceu no dia 26 de julho de 1943 na pequena cidade de Dartford, no sudeste […]

    Leia mais
  • Michel Temer

    Michel Temer ou Michel Miguel Elias Temer Lulia é o atual presidente em exercício da República Federativa do Brasil, substituto da presidente Dilma Roussef que foi afastada do cargo por 180 dias, sob a acusação de crime de responsabilidade fiscal. Caso a presidente seja absolvida, voltará ao cargo após esse período ou Temer continuará como […]

    Leia mais
  • Bob Dylan

    O primeiro e único artista na história a ganhar, além do Prêmio Nobel, o Oscar, o Grammy e o Globo de Ouro.

    Leia mais
  • Caio Castro

    Caio Castro, o protagonista de I love Paraisópolis, nunca pensou em ser ator. Confira na sua biografia.

  • Tom Jobim

    Confira aqui a biografia e o perfil vocacional desse grande compositor brasileiro

  • Oscar Niemeyer e Lucio Costa

    Confira aqui a biografia e o perfil vocacional desses grandes arquitetos brasileiros

  • David Bowie

    David Bowie, o mais ousado, versátil e eclético dos artistas pops, nasceu em 8 de janeiro de 1947 na Cidade de Brixton, Inglaterra e faleceu hoje, dia 10 de janeiro de 2016 depois de lutar quase dois anos contra um câncer, pra imensa tristeza de todos os seus fãs. Bowie começou a carreira como um cantor trovador folk, mas […]

  • Biografia dos Rolling Stones

    Quem não conhece os Rolling Stones? Quem não ama os Rolling Stones? Quem não tira o chapéu para os Rolling Stones? Qualquer ser vivo deste planeta nos últimos 50 anos sabe da importância dessa banda de rock, que talvez só perca em fama e relevância para Os Beatles. O famoso grupo britânico teve início em […]

  • Fernando Pessoa

    Fernando Pessoa ou Fernando Antonio Nogueira Pessoa foi um dos maiores poetas da língua portuguesa

  • Aécio Neves

    Aécio Neves, batizado Aécio Neves da Cunha, é o líder do movimento oposicionista que pede auditoria nas eleições de outubro passado

  • Justin Bieber

    JUSTIN BIEBER DE DREW OU APENAS JUSTIN BIEBER É UM SUPERJOVEM CANTOR E COMPOSITOR DE MÚSICA POP DOS MAIS BADALADOS DO MOMENTO.

  • Dilma Rousseff

    Dilma Vana Roussef é a atual Presidente da Republica Federativa do Brasil, reeleita por mais quatro anos em outubro passado.

  • Mark Zuckerberg

    Mark Elliot Zuckerberg, é um programador e empresario norteamericano, que ficou conhecido mundialmente por fundar o Facebook em 2004, com mais três colegas da Universidade de Harvard, onde estudava. Zuckerberg nasceu em White Plains, noCondado de Westchest, Nova York, filho de uma medica-psiquiatra e de um dentista, no dia 14 de maio de 1984. Desde menino sempre se […]

  • Marina Silva

    Veja perfil vocacional de Marina Silva, candidata à eleição presidencial pelo PSB, sucessora de Eduardo Campos.

  • John Lennon

    John Winston Lennon, músico, guitarrista, compositor, cantor, escritor e ativista britânico, nasceu em Liverpool, na Inglaterra, em 9 de outubro de 1940. Tornou-se famoso por ser um dos criadores do grupo de rock The Beatles juntamente com Paul McCartney, Ringo Star e George Harrison. A dupla John Lennon/Paul McCartney foi uma das melhores e mais famosas de […]

  • Ayrton Senna

    Um dos maiores ídolos esportivos brasileiros

  • D. Pedro II

    D. Pedro II, Imperador do Brasil, um amante da ciência, da cultura e das artes No nascimento de D. Pedro II, tanto Portugal quanto as províncias do Norte e do Nordeste do país acabavam de reconhecer a independência do Brasil. Sua chegada foi aclamada e comemorada com fervor. Em 1831, ao abdicar do trono em […]

  • D. Pedro I

    D. Pedro I, o primeiro Imperador do Brasil O primeiro imperador do Brasil é figura que desperta polêmica e ambiguidade. Foi príncipe, soldado, imperador e grande amante das artes. Viveu pouco e com grande intensidade: fundou o Império brasileiro, abdicou de dois tronos em favor de dois filhos, saiu vencedor no comando de várias batalhas, […]

  • Marylin Monroe

    A atriz, cantora e modelo mais amada da América

  • Vladimir Putin

    Vladimir Vladimirovich Putin é atualmente o primeiro-ministro da Rússia. Putin nasceu entre os trabalhadores de fábrica de Leningrado ( St. Petersburg) e foi criado em um apartamento dividido entre várias famílias. Seu pai, um capataz de fábrica, morreu em 1999 e sua mãe, meses depois. Formou-se em Direito pela Universidade de Leningrado, onde teve contato […]

  • Pelé

    O maior jogador de futebol de todos os tempos

  • Barack Obama

    Obama ou Barack Hussein Obama é o atual presidente dos Estados Unidos da América, o 44º eleito e o primeiro afro-americano a ocupar o cargo mais cobiçado do mundo. Nasceu em Honolulu de pai queniano e mãe americana, onde foi criado, e depois mudou-se para o continente, tendo estudado Ciências Politicas em Columbia, NY, e […]

  • Dorival Caymmi

    Um dos maiores compositores da MPB